Aquecimento de Água por via solar, por gÁs ou por elEtricidade

O aquecimento solar térmico tem vantagens óbvias em climas como os brasileiros ou os portugueses. Mas há situações em que se podem justificar outras soluções, ou em que essas outras situações são mais vantajosas.

Opção 1: Aquecimento de Água por via solar térmica

Há kits baratos e de qualidade que podem garantir um retorno relativamente rápido do investimento em coletores solares para aquecimento de água.

Não é apenas uma questão de vantagens ambientais. Os sistemas do tipo termossifão são baratos e eficazes em climas como os brasileiros e os portugueses. A recuperação do investimento pode ser bastante rápida, quase sempre abaixo dos 10 anos, na maioria das habitações, em climas como os brasileiros ou os portugueses.

Há no entanto razões de ordem arquitetónica e de má exposição solar dos edifícios que podem justificar outras opções.

Ver: Guia do aquecimento solar de água

Opção 2: Aquecimento de Água por via elétrica tradicional

É uma opção que pode ser vantajosa em climas como os brasileiros, em habitações de baixo consumo de água quente. Mas só nestes casos: o aquecimento elétrico de água pode facilmente tornar-se demasiado dispendioso.

Os kits elétricos tipo ponto de uso (para serem utilizados autonomamente em casas de banho, ou junto a outras torneiras) são baratos, não exigem tubagens, nem envolvem manutenção.

Esta opção é também vantajosa para complementar os sistemas solares térmicos, para os dias de baixa insolação, em que os sistemas solares não produzem água quente em quantidades suficientes, ou para situações especiais de uso de água quente acima dos níveis habituais.

Ver: Aquecimento de água por via elétrica

Opção 3: Aquecimento de Água por via solar fotovoltaica

Em vez de usarmos coletores solares térmicos, podemos usar painéis solares fotovoltaicos para produzir eletricidade para aquecimento de água (e outros fins).

É uma opção que começa a ter sentido. Ela requer um investimento inicial significativo (há os custos dos inversores, e de outros elementos, para além dos custos dos painéis), e não é vantajosa isoladamente, isto é, se apenas concebida para fornecimento de água.

Mas é uma opção que pode ser vantajosa para consumos de água substanciais, se a mesma começar a ser implementada e instalada em grande escala.

Infográficos:
Como reduzir os preços da energia solar em Portugal e Brasil para metade ou menos
Instalação grátis de painéis solar elétricos: demasiado bom para ser verdade?
Porque é que a eletricidade solar fotovoltaica é tão acessível para as grandes empresas e não o é para o cidadão comum?
O crescimento da solar elétrica vai depender muito dos municípios e de políticas locais
Será que a eletricidade solar fotovoltaica é acessível sem ajudas estatais
Passos críticos antes da instalação de um sistema de eletricidade solar fotovoltaica.
Opções em termos de aquecedores solares de água

Opção 4: A opção gás

É a opção dominante em Portugal ou em zonas do Brasil como São Paulo. O gás pode ser a opção de aquecimento de água mais vantajosa para consumos médios e altos, em edifícios – nomeadamente prédios de apartamentos já construídos - onde a instalação dos painéis solares térmicos é difícil ou impossível.

É também uma forma de complementar os sistemas solares térmicos, em períodos de más condições solares, em habitações em que o gás é utilizado para outros fins, para além do aquecimento de água.

Ver: Aquecimento de água a gás

Opção 5: Aquecimento elétrico por via de bombas de calor

É uma opção que pode ser vantajosa em casos específicos, envolvendo consumos médios e altos de água quente, em edifícios que necessitem simultaneamente de um sistema de ar climatizado; é também uma solução que pode combinar com o uso de coletores solares ou de painéis solares fotovoltaicos para aquecimento de água.

Ver: Aquecimento de água por via de bombas de calor

 

 

 

Top or Home PagePaginas relacionadas
Contents Topo .... Inicio