Guia arquitetura e eficiÊncia energÉtica de habitaÇÕes e outros edifícios

As nossas habitações, escolas e outros edifícios gastam enormes quantidades de energia. Elas gastam mais gás e eletricidade que a indústria ou os transportes; em termos mundiais os edifícios são os maiores responsáveis pelo efeito estufa.

É o preço que pagamos para aumentar os níveis de conforto térmico das nossas casas e locais de trabalho.

Mas não tem que ser assim. É possível desenhar e construir casas e outros edifícios que consomem muito pouca energia ou que produzam toda ou a maior parte da energia de que necessitam.

E isso sem termos que sacrificar o nosso conforto térmico, e sem custos adicionais significativos.

Para tanto necessitamos de equacionar cuidadosamente a questão da arquitetura e da construção dos nossos edifícios. Os níveis de luminosidade, e os níveis de aquecimento e frio requeridos pelas nossas casas e pelos edifícios onde trabalhamos podem ser altamente reduzidos por via de um adequado desenho e pormenores associados à sua construção e à sua arquitetura.

Ver:
Edifícios energia e poluição
Eficiência energética de edifícios é algo mais do que equipamento

Materiais para arquitetos e empresas de arquitetura

arquitetura inteligente


Pode utilizar o infográfico acima no seu site ou blog.
Para tanto copie o código que anexamos na caixa ao lado, e cole-o no lugar pretendido do seu site.

Temos muitos outros materiais gráficos que podem ser usados livremente.

Mais infográficos e recursos para o seu site:
Ver: Materiais para sites de arquitetos ambientalmente empenhados

 
Configuração, Tamanho e orientação dos nossos edifícios

A maioria dos nossos edifícios não tem uma boa orientação (ou proteção) solar; nem têm uma boa configuração e muitas vezes são escusadamente grandes.

São questões fundamentais que determinam muitas das necessidades de aquecimento e arrefecimento.

Ver:
Orientação solar e configuração de edifícios

Aposte numa casa confortável, não numa casa grande (infográfico)

Envolventes externas dos nossos edifícios

As plantas e outros elementos externos as nossos edifícios determinam os seus níveis de sombra ou mesmo ventilação, e consequentemente as suas temperaturas ambientes e os seus níveis de iluminação.

Ver: Envolventes externas de edifícios

O tamanho das nossas habitações e edifícios

Habitações muito grandes são sempre difíceis de climatizar e requerem enormes quantidades de energia. Infelizmente o tamanho das nossas casas está a aumentar significativamente, como se os nossos níveis de felicidade e bem-estar dependessem de tal.

São sonhos desfasados, que se pagam caro.

Ver: Aposte numa casa confortável, não numa casa grande

Pormenores arquitetónicos que contam

Questões como as varandas, ou as abas, palas e beirais dos nossos edifícios têm um impacto enorme nos seus equilíbrios térmicos e nos nossos níveis de conforto.

Evite edifícios com excesso de vidro (janelas sobredimensionadas e mal posicionadas, clarabóias, portas de vidro), pormenores como pé-direito altos, configurações complexas.

Ver: Varandas, beirais, palas e meios de sombreamento de edifícios

Passive Houses

As Passive Houses são edifícios com altíssimos níveis de isolamento térmico, cuidadosamente construídos a nível de janelas, configuração e envolventes. Eles consomem pouquíssima energia e são uma solução especialmente interessante para climas frios.

Ver: Passive Houses

Edifícios Energia Zero

Os edifícios energia zero conseguem produzir toda ou quase toda a energia que consomem. E conseguem-no reduzindo a eletricidade que consomem por via de pormenores arquitetónicos, bons níveis de isolamento térmico, portas, janelas e equipamento eletrónico muito eficiente… e preenchendo o restante consumo de energia por via de sistemas solares fotovoltaicos.

Ver: Edifícios energia zero

Janelas e portas

O posicionamento, o tamanho, o tipo de vidro e os materiais que constituem as esquadrias/caixilharia das janelas são fundamentais em termos de consumos energéticos dos edifícios.

Ver:
Guia Janelas eficientes

Níveis de isolamento térmico

Edifícios mal isolados termicamente a nível de tetos, paredes e nalguns casos a nível dos pisos não podem ser edifícios confortáveis nem de baixo consumo energético.

Ver:
Guia Portas eficientes

O que é que os arquitetos podem fazer?

Os arquitetos e os construtores – e as universidades que formam os profissionais da construção, nomeadamente as faculdades de arquitetura - têm um papel fulcral a nível do futuro do planeta – por via do consumo energético dos nossos edifícios.

Ver infográficos:
O que deve pedir ao seu arquiteto
A eficiência energética de edifícios é bastante mais do que apenas equipamento

O que é que os municípios e cidades podem fazer

O setor da construção (de edifícios) é um setor de muitos biliões, que necessita de ser reformado e remodelado. Os muitos milhões de casas que são anualmente construídas e remodeladas têm que incorporar princípios de baixo consumo energético.

Algo que passa por adequado planeamento municipal, por novos códigos e normas de eficiência energética de edifícios, por campanhas informativas diversas.

Ver: Municípios, Cidades e Consumo Energia Edifícios

Juntar aos nossos edifícios energia solar e geotérmica

Os painéis solares fotovoltaicas ou as bombas de calor geotérmicas permitem produzir energia a preços competitivos com as energias fósseis, desde que os sistemas sejam instalados em grande escala e desde que os custos de instalação, burocráticos e de financiamento sejam adequadamente reduzidos.

Há grandes empresas internacionais que estão a demonstrar como é que isso pode ser feito, e como é que se podem retirar lucros a partir, por exemplo, da energia solar fotovoltaica.

Ver infográfico:
Porque é que a eletricidade solar fotovoltaica é tão acessível para as grandes empresas?

Mais infográficos:
A importância das casas de baixo consumo energético para uma revolução verde
Edifícios Energia Zero (Quase)
Os arquitetos podem fechar centenas de centrais nucleares e a carvão.
O papel das Escolas de arquitetura e construção civil no nosso futuro ambiental

Lista completa de infográficos

 

 

Topo .... Inicio