dicas sobre como CONSTRUIR UMA casa eficiente e confortÁvel, tipo MORADIA

Há muitas questões a considerar aquando da construção de uma moradia: questões de preços, materiais, questões relativas à humidade, questões estéticas, de segurança, etc.

Considere estes factores, e outros, cuidadosamente. Mas pondere também especialmente a questão do conforto e a questão da eficiência energética da casa.

A questão da eficiência energética nas nossas casas surge para muita gente como uma espécie de chavão, sem grande significado. Mas a verdade é que o seu conforto, o impacto ambiental da sua futura casa e os seus gastos em eletricidade e gás vão depender fundamentalmente do fator energético.

Construir uma casa confortável com baixos custos energéticos futuros (Gás e eletricidade)

Os gastos em gás e eletricidade associados às moradias, acumulados ao longo de 30 ou 40 anos, ultrapassam muitas vezes os custos iniciais da casa.

Não confunda a questão da eficiência energética de uma casa com a questão da eficiência dos electrodomésticos e demais equipamento.

A eficiência energética envolve também questões de isolamento térmico, de janelas e portas eficientes, o tamanho da moradia, a localização, layout e configuração da mesma, ou questões de arquitetura, design e envolventes imediatas (árvores, arbustos, outras moradias).

Eficiência energética em edifícios não é só uma questão de equipamentos.
É também uma questão de alto isolamento térmico e de portas e janelas altamente eficientes; e de design, localização e configuração do edifício de modo a maximizar ganhos solares e brisas, ou a a proteger o edifício do sol de verão ou do vento.Eficiencia energ?tica em edif?cios

Dicas sobre o Tamanho da Casa

Há uma tendência quase universal para se sonhar com casas com muitas divisões, muito vidro, luxuosas. Mas isso é um erro a vários níveis, e que nada tem a ver com os níveis de felicidade daqueles que vão habitar a casa.

Aposte na qualidade e nos enquadramentos e design da casa, não em grandes e muitas divisões.

Se projeta construir uma casa, considere um tamanho modesto para a mesma.

Não se deixe levar por sonhos deslocados. Repetimos: aposte na qualidade e no conforto, não no tamanho.

Ver infográfico: Aposte numa casa confortável, não uma casa grande

Dicas sobre Janelas e Portas Exteriores para a sua nova casa

Considere cuidadosamente a localização e o tamanho das janelas nos vários lados da casa. Evite caixilharias/esquadrias e portadas de alumínio. Prefira PVC ou outro material que bloqueie ganhos e perdas de calor indesejados. Escolha o tipo de envidraçado com os coeficientes energéticos adequados.

Tenha em conta o tipo de janelas (de correr, de guilhotina, de abrir, fixas).

Considere cuidadosamente pormenores como o ângulo das janelas em relação ao sol, considere questões de sombra, ventos e brisas.

Ver pormenores: Janelas eficientes e Portas exteriores eficientes

moradias amigas do ambiente

Mais infográficos como o anterior: Infográficos

Dicas sobre Orientação solar da casa, brisas, protecção natural de ventos

Naturalmente, na maior parte dos climas brasileiros, há sobretudo que proteger a casa do sol.

Já em climas como o português ou o da ponta sul do Brasil, o acesso direto ao sol – por via das janelas - é fundamental nos períodos frios do ano. Faz toda a diferença em termos de conforto e contas de energia.

Considere este factor com especial cuidado. E também o acesso a brisas (climas quentes... ) ou à sombra, bem como a questão do vento. É algo muito dependente da orientação da casa e do seu layout.

Pormenores:
Dicas sobre configuração e orientação de casas e outros edifícios

Infográfico:
Localização e orientação de habitações e edifícios (infográfico)

Localização e layout da Casa; pormenores Arquitetónicos

Pondere adequadamente o modo como as principais divisões da moradia estão orientadas para o sol, brisas e ventos, e as incidências das envolventes vizinhas.

Questões de “design” como palas, parapeitos e varandas podem ser fundamentais para o seu conforto e gastos energéticos. Considere uma arquitetura inteligente, sem os desvarios modernistas de alguns arquitetos ou a falta de preocupações de eficiência energética das casas e edifícios tradicionais.

Ver: Arquitetura e eficiência energética

Dicas sobre Níveis de isolamento térmico e sonoro

Todo o envelope da casa (paredes, chão, tetos) deve ser objeto de cuidadoso isolamento térmico. É uma questão estranhamente desvalorizada no Brasil e mesmo em Portugal.

Os níveis convencionais de isolamento térmico são altamente insuficientes. As questões de isolamento térmico e de isolamento sonoro são particularmente importantes em moradias unifamiliares – e é um erro tremendo querer fazer poupanças a este nível.

Se o seu projeto é construir uma moradia económica e barata, não procure economizar a nível dos níveis de isolamento de paredes, sótãos e telhados (ou mesmo pisos). É um erro tremendo, com elevados custos energéticos e de conforto.

Veja-se por exemplo o caso das paredes exteriores: em climas quentes, como os brasileiros, essas paredes devem beneficiar em toda a sua extensão de níveis de isolamento da ordem dos U-60, ou seja, devem estar totalmente cobertas com um isolante térmico do tipo polistireno extrudido (ou um material equivalente) com 50 mm de espessura. Já em climas como os do sul do Brasil ou os portugueses, as paredes devem beneficiar de níveis de isolamento da ordem dos 100 mm de espessura (isolante de alta densidade), pelo menos.

Isso - e janelas e portas exteriores altamente eficientes - pode custar algumas milhares de Reais/Euros mas vai permitir reduzir custos em equipamento de ar condicionado, ou em sistemas de aquecimento, e vai fazer uma grande diferença em termos de conforto e em termos de gastos em gás e eletricidade, ao longo dos anos.

Mais: Guia Isolamento Térmico

Luz natural

A iluminação natural depende basicamente das janelas da moradia e do seu posicionamento, bem como do layout da casa, e deve ser ponderada adequadamente, em paralelo com questões de aquecimento, sombra e arrefecimento natural.

Os níveis de conforto e bem-estar psicológico dependem bastante da luz. Mas não esqueça também que janelas sobredimensionadas são um factor de perturbação térmica...

Pormenores: Janelas, dimensão e Clarabóias

Sistema de iluminação

Pondere o sistema de iluminação artificial da sua moradia. O posicionamento dos focos de luz nas várias divisões, o tipo de lâmpadas (novas LEDs e fluorescentes), ou elementos como sensores. Pondere igualmente o sistema de iluminação exterior. Podem ser feitas poupanças muito significativas a estes níveis.

Mais: Iluminação artificial, guia

Equipamento de climatização e demais equipamento Doméstico

Evite sistemas de aquecimento e ar condicionado central. Uma moradia com altos níveis de isolamento térmico, bem desenhada e bem posicionada em relação ao sol e às brisas não necessita de sistemas de aquecimento ou arrefecimento central, sempre demasido caros e sujeitos a fortes perdas energéticas a nível da distribuição.

Tenha em atenção os níveis de eficiência energética dos equipamentos que venha a instalar.

Ver:
Aquecimento, Guia
Ar condicionado e climatização de edifícios

Dicas relacionadas com Paredes, Sótãos, Pavimentos, Lajes, Caves...

As paredes devem beneficiar de adequado isolamento térmico. E o mesmo acontece a nível dos sótãos, telhados e eventualmente dos pisos.

Pormenores:
Paredes eficientes
Soalhos
Sótaos
Pisos
Lajes
Fundações, garagens, caves
Telhados

Conselhos sobre enquadramento e elementos exteriores à moradia

Tenha em atenção as envolventes externas. Pavimentos de betão e pedra podem gerar sobreaquecimento da zonas circundantes à moradia, com inevitávies reflexos nas suas temperaturas internas e no seu conforto. As árvores e a vegetação circundante podem tornar as temperaturas circundantes à moradia muito mais agradáveis, com consequentes reflexos nas temperaturas interiores.

Pormenores de design, ou corta-ventos e canalização de brisas devem também ser tido em conta.

Ver: Envolventes externas à moradia (infográfico)

Painéis solares

Considere a instalação de painéis solares de aquecimento de água e de produção eléctrica fotovoltaica. Aposte numa moradia energia zero. Não tem nada de futurístico. Há apenas que preparar a casa nos termos referidos nos pontos anteriores.

Uma moradia de tamanho modesto, bem configurada e bem orientada ou protegida do sol, com altos níveis de isolamento térmico e janelas altamente eficientes, com equipamento e sistemas de iluminação eficientes, não consumirá altos níveis de eletricidade e não necessitará de um grande sistema fotovoltaico para satisfazer as suas necessidades energéticas.

Ver:
Será que a eletricidade solar fotovoltaica é acessível sem ajudas estatais
As energias limpas deixaram de ser um mero sonho ambientalista
Instalação grátis de painéis solar elétricos: demasiado bom para ser verdade?
Edifícios Energia Zero (Quase)

Importância da questão energética

Considere cuidadosamente todos os elementos anteriores. Eles são fulcrais e normalmente mais importantes do que questões estéticas. Não entre em compromissos. Repetimos: aposte em eficiência energética da sua nova casa, mesmo que isso tenha custos mais elevados, no imediato ou em certas áreas da construção da casa.

O que gastar em mais em eficiência energética – através de altos níveis de isolamento térmico, design, janelas e portas altamente eficientes... – será altamente retribuído em conforto e poupanças energéticas futuras, ou por via de sistemas de aquecimento e arrefecimento mais pequenos e baratos.

Reduza os custos de construção – se for caso disso – por via de reduções no tamanho da casa ou evitando opções de construção como caves ou garagens enterradas. Não procure reduzir custos por via de baixos níveis de eficiência energética.

Não se esqueça: Há poucas coisas tão importantes na nossa vida – para os nossos níveis de satisfação – do que o conforto proporcionado pela casa que habitamos. E uma casa energeticametne eficiente é fundamental para assegurar esse conforto, baixos faturas energéticas e um meio ambiente mais saudável.

 

 

 

 

Top or Home PageConteúdo relacionado
Contents Topo .... Inicio